terça-feira, 17 de Maio de 2011

Clube Militar expõe “Inéditos” de José Luís Tinoco_Galeria 57-arte contemporânea/Curadoria da Exposiçaõ José Duque Vicente

Por Hoje Macau | 17 Mar 2011 | http://hojemacau.com.mo/?p=10705 Inaugura hoje no Clube Militar de Macau a exposição “Inéditos”, de José Luís Tinoco. Mais conhecido pela faceta de letrista de canções como “O amarelo da Carris”, “Um homem na cidade” e “No teu poema”, celebrizadas na voz do fadista Carlos do Carmo, o artista português formado em Belas Artes foi elemento activo do movimento de renovação da arquitectura portuguesa na década de 50. Tinoco abriu nessa altura o seu próprio ateliê onde se dedicou à pintura, aos figurinos para bailado e ao design e artes gráficas (ilustração de capas de livros e discos) bem como a uma colaboração assídua com os Correios de Portugal para quem assinou a ilustração de várias dezenas de selos. O artista leiriense de 78 anos, que já realizou um filme de animação a partir da obra “O que diz Molero”, de Dinis Machado, expôs a sua pintura pela primeira vez em 1956. Desde então participou em várias exposições colectivas e individuais, como a II Exposição de Artes Plásticas da Gulbenkian e as Bienais dos Açores, Leiria e Óbidos. A solo expôs na Gulbenkian, no Palácio Galveias, no Palácio Nacional da Ajuda e em Macau, na Residência Oficial do Consulado Geral de Portugal, há três anos. A Galeria 57 é a responsável por trazer a obra do artista de novo ao território com a mostra antológica “Inéditos” que inaugura hoje, às 18h30, na sala Ho Yin do Clube Militar de Macau.

Sem comentários:

Enviar um comentário